INP: O Que É e Como Resolver Problema INP Acima de 200ms

conheça o inp-Interaction to Next Paint como deixar abaixo de 200ms
Reproduzir vídeo
conheça o inp-Interaction to Next Paint como deixar abaixo de 200ms
Reproduzir vídeo

Você Vai ver Nesse Post:

Descubra o que é o INP (Interaction to Next Paint) e como ele pode afetar o posicionamento do seu site no Google. Saiba como identificar e resolver esse problema de performance para melhorar a experiência do usuário.
Leia tudo e no final me diga o que achou. Posso contar com você? :)

Se você recebeu uma mensagem do Google Search Console informando sobre um problema de INP na Core Web Vitals do seu site, não entre em pânico.

Neste artigo, vamos esclarecer o que é o INP, como ele afeta seu site e fornecer dicas sobre como solucionar esse problema para evitar perda de posicionamento no Google.

Conteúdo do Post

O que é o INP e como ele afeta os sites no Google

O INP, Interaction to Next Paint, é um indicador das Core Web Vitals que mede o tempo de resposta do site após a interação do usuário.

Em outras palavras, é o tempo que leva para o site responder após o usuário interagir com ele, seja ao clicar em um botão, preencher um formulário ou qualquer outra ação.

O Google considera o INP como um fator importante para avaliar a experiência do usuário.

Em 2024, o INP se tornará um fator ainda mais relevante para a classificação dos sites nos resultados de pesquisa do Google.

Sites com um Interaction to Next Paint lento correm o risco de perder posições no ranking, afetando a visibilidade e o tráfego orgânico. Portanto, é crucial entender e resolver esse problema para manter a relevância do seu site.

inp metrica de interacao do usuario com a pagina como funciona

Substituição do FID pelo INP

O Google substituirá o FID pelo INP em março de 2024, porém, é importante saber a diferença entre as duas métricas e como o INP é mais abrangente.

O First Input Delay (FID) é uma métrica que mede o tempo de resposta de um site desde a primeira interação do usuário até a resposta do navegador.

Enquanto o Interaction to Next Paint, considera todas as interações de página, o FID considera apenas a primeira interação e mede apenas o atraso de entrada dessa interação específica.

O FID não leva em conta o tempo necessário para executar manipuladores de eventos ou o atraso na apresentação do próximo quadro.

A lógica por trás do FID é que uma primeira interação sem atraso perceptível durante a fase de carregamento do site causa uma boa primeira impressão no usuário.

No entanto, o Interaction to Next Paint, vai além das primeiras impressões. Ao amostrar todas as interações, ele avalia a capacidade de resposta de forma abrangente, tornando-se um indicador mais confiável da capacidade de resposta geral do site.

Identificação e resolução do problema

A primeira etapa para resolver o problema de INP é identificá-lo. O Google Search Console é uma ferramenta essencial para obter informações sobre a saúde do seu site.

Verifique se há relatórios de Interaction to Next Paint disponíveis e se seu site apresenta um tempo de resposta acima de 200 ms em dispositivos móveis.

Além disso, os emails enviados pelo Google Search Console fornecem insights valiosos sobre os problemas de Interaction to Next Paint e outras métricas relacionadas às Core Web Vitals.

Certifique-se de que o seu site esteja devidamente verificado no Search Console para receber essas notificações.

Uma ferramenta útil para avaliar a performance do seu site é o pagespeed.web.dev, onde você pode fazer testes aleatórios para obter dados sobre o INP e outras métricas importantes.

Utilize essas informações para entender o desempenho atual do seu site e identificar possíveis gargalos.

Cases de Sucesso e Fracassos

INP-site reprovado com inp menor que 200ms

Mostrei no vídeo no início desse artigo 3 casos distintos que serviram de base par ameu estudo:

  1. Sem Informações: No primeiro caso, um site bem otimizado porém ainda sem dados suficientes para um relatório preciso de interação dos usuários reais.
  2. Reprovado: No segundo, um site Reprovado, porque teve o INP, assim como outras métricas com valores abaixo do recomendado, mesmo com dados suficientes para uma análise.
  3. Aprovado: Um terceiro, um site não tão otimizado porém com o INP baixo e experiência reais de usuários boas, cuminando em um resultado satisfatório.

Esses cases são importantíssimos para compreendermos como funciona não o INP mas também todas as outras métricas de análise que o Google avalia.

Essas métricas são responsáveis pelo posiciionamento adequado dos sites nos motores de buscas.

Melhorando a performance e o INP do seu site

NP-site aprovado com inp menor que 200ms

Existem diversas práticas de otimização que podem ajudar a melhorar a performance do seu site e reduzir o INP.

Mesmo não tendo algo específico para reduzir o Interaction to Next Paint, algumas práticas de otimização cuminam em um melhoramento dele.

Aqui estão algumas dicas:

  1. Hospedagem de Sites: Escolha uma hospedagem de sites confiável, que ofereça um servidor com baixo delay e alta performance. Recomendamos o Servidor LiteSpeed da Hostinger, que oferece ótimos resultados. Utilize o cupom MESAQUE para obter até 15% de desconto.
  2. Otimização de Imagens: Faça a compactação e redimensionamento adequados das imagens do seu site. Imagens pesadas podem impactar negativamente o tempo de resposta. Utilize ferramentas de compressão de imagens para otimizá-las sem comprometer a qualidade visual. Uma prática bem recomendada é usar arquivos webp para imagens pois são melhores carregadas pelos navegadores e também são mais leves.
  3. Compressão de Códigos: Comprima o CSS, JS e HTML do seu site para reduzir o tamanho dos arquivos e acelerar o tempo de carregamento. Existem plugins e ferramentas disponíveis para automatizar esse processo.
  4. Caches e CDN: Utilize caches e plugins de cache, como o Litespeed Cache, para armazenar versões pré-carregadas do seu site e agilizar o carregamento das páginas. Além disso, considere o uso de uma CDN (Content Delivery Network) para distribuir o conteúdo do seu site WordPress de forma mais eficiente.

Conclusão

O INP é um fator crucial para a experiência do usuário e a classificação do seu site WordPress nos resultados de pesquisa do Google.

Ignorar esse aspecto pode resultar em perda de posicionamento e tráfego orgânico. Portanto, é fundamental entender o que é o INP, identificar possíveis problemas e implementar práticas de otimização para melhorar a performance do seu site WordPress.

Utilize ferramentas como o Google Search Console e pagespeed.web.dev para monitorar e avaliar o desempenho do seu site. Além disso, siga as dicas apresentadas neste artigo, como escolher uma hospedagem de qualidade, otimizar imagens e comprimir arquivos, para reduzir o INP e oferecer uma experiência de usuário superior.

Para mais informações sobre o assunto, recomendamos a leitura dos recursos mencionados neste artigo, bem como a visualização do vídeo de otimização disponível no canal do meu canal Academia WPX.

Mantenha-se atualizado e esteja um passo à frente para garantir que seu site esteja preparado para os desafios de performance que o INP pode trazer.

Compartilhe

2 respostas

    1. Olá, que bom que você comentou, apesar da ironia.
      Mas, já ajeitei as coisas, o problema estava no LCP.
      Abraço e passar bem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.